7 de fevereiro de 2014

Nove – Casamento???

-O que foi minha Baby V?- ele perguntou preocupado do outro lado da linha.

-Zac, será que você pode me buscar para irmos para a casa de campo? Meus pais daqui a pouco chegam e eu não quero ficar aqui. Por favor, me tira daqui. - eu disse chorando.

-Em quinze minutos chego aí. Fica calma.

***************************************************************************

-Zac... Me leva embora daqui.

Ele chegou em menos de quinze minutos. Quando ele entrou, pulei em seu colo chorando, enquanto ele me embalava, acariciando meus cabelos.

-Ei, shiuu, fica calma, minha pequena. Vamos sair daqui. Mas... E seus pais?

-Já deixei um bilhete falando que vou passar a noite fora. Agora só me leva embora, Zac. Por favor.

Enterrei meu rosto na curva de seu pescoço, podendo sentir o seu perfume. Ele trancou a porta e me levou para seu carro. Depois de um longo tempo, chegamos à casa de campo. Ele me pegou no colo novamente e nos levou para o nosso antigo quarto.

-Não precisa mais chorar, meu amor. Eu estou aqui. Por favor, não chore mais. - ele afagou meu rosto carinhosamente e se deitou na cama comigo agarrada a ele. Ele ficou acariciando meus cabelos e eu logo peguei no sono.

No dia seguinte depois de tomarmos o café da manhã, eu contei a ele tudo o que tinha acontecido comigo e Austin e contei a ele o que Austin me fazia enquanto estávamos sozinhos. Agora apenas eu e Zac sabemos disso. Ninguém nunca precisará saber. Austin Butler não é apenas uma página virada na minha vida e sim uma página que faço questão de arrancar, rasgar em pedacinhos e botar no fogo.

-Amor... - chamei por Zac, que estava sentado encostado na cabeceira da cama, enquanto eu estava deitada entre suas pernas.

-O que foi, Nessa?- ele perguntou me puxando para cima, me fazendo sentar em seu colo de frente pra ele.

-Desde que terminamos meus pais e Stella mudaram comigo. Stella já tá até mais normal, mas principalmente meu pai. Ele não me trata como antes. Eu... Posso estar errada... Mas tenho uma leve impressão de que eles sabem de alguma coisa que eu não sei. E sei que você também sabe.

-Vany eu... Eu não sei de nada. - ele disse desviando seus olhos de mim. Zac nunca conseguiu mentir pra mim e não vai ser agora que vai conseguir fazer tal coisa.

-Não mente pra mim Zac. Você é péssimo nisso! Me diz, o que vocês sabem que eu não sei?

Olhei profundamente nos olhos azuis de Zac, ansiando por sua resposta.

-Eu... É que... Deixa isso pra lá, amor!- ele tentou olhar para o lado, mas eu segurei firmemente seu rosto entre minhas mãos, o obrigando a me olhar.

-Zac, por favor! Já que decidimos começar do zero, vamos abrir o jogo. Não quero que haja mentiras entre nós.

-Tudo bem, Nessa. É que... Bom... Antes de terminarmos, eu estava planejando sua festa de aniversário. Seria naquela boate onde fomos pela primeira vez, lembra?

-Sim, mas... Você estava tão ocupado, que achei que nem se lembraria do meu aniversário.

-Bom, tecnicamente eu realmente estava ocupado, mas eu estava era organizando tudo para que fosse perfeito. Eu queria que tudo ocorresse bem, porque eu... Eu ia... Er...

Vi que ele estava nervoso, mas eu queria saber de todo jeito.

-Você ia?-incentivei-o a falar.

-Eu ia te pedir em casamento e depois da festa iria te levar para nossa nova casa.

Ele disse tão rápido, mas alto o suficiente para eu escutar. Assim que ele terminou a sua frase, abaixando a cabeça, meus olhos se encheram de lágrimas e meu queixo caiu.

Zac percebeu o silencio e olhou para cima, fitando meus olhos.

-Eu já tinha combinado tudo com todo mundo. Sua família toda já sabia, eu já havia até pedido sua mão em casamento para seu pai. Ashley também sabia e mais algumas amigas mais íntimas suas, mas fiz todas elas e sua família manterem segredo. Eu queria que tudo fosse perfeito, mas...

Não pode ser! Agora sim me sinto uma grande merda. O que eu fiz? Eu já podia estar casada com Zac, mas não, fui egoísta demais e terminei tudo. Ai como eu sou burra!

-Zac, por que quando terminei com você, você não me explicou tudo? Por que me deixou te expulsar da minha vida?

Nesse momento eu já não segurava mais minhas lágrimas, a raiva já tinha tomado conta de mim. A raiva de mim mesma.

-Desde o início do nosso namoro combinamos que sempre respeitaríamos as opiniões um do outro. Que nunca discutiríamos em relação a isso. Prometemos sempre querermos que o outro fosse feliz.

-Mas, Zac... Isso não faz sentido. Por que não me procurou mais? Por que não insistiu em voltar? Você já não me amava mais?

- Nunca diga isso, Nessa. A cada dia que passava eu só te amava mais e mais. Não te procurei porque não queria que você voltasse comigo apenas porque eu iria te pedir em casamento. Se você terminou comigo, é por que estava infeliz ao meu lado e tudo o que sempre quis foi que você fosse feliz, sendo comigo ou não.

- Me perdoa por ter sido tão egoísta, Zac? Eu me sinto um merda agora.

Coloquei as mãos no rosto e chorei muito. Logo senti Zac me abraçando e secando meu rosto com seus dedos grandes e quentes.

-Shiuu, já passou amor. O que importa agora é o presente. Vamos esquecer esses últimos três anos. E vamos viver o agora. E o agora há apenas você e eu. Eu te amo, minha princesa.

-Eu te amo mais, meu amor.


O que fizemos depois? Nos beijamos intensamente. Zac era sempre tão carinhoso. Há tempos que eu não era mimada como ele me mimava.
___________________________________________________________

Obrigada Julie, Thata, Liriane, Paula e Margarida por estarem sempre a comentar os capítulos. Adoro vocês, girls :)

4 comentários:

  1. Que bom que eles voltaram, são lindos juntos.
    O capitulo está lindo!!

    ResponderExcluir
  2. Aw, por que isso não acontece? #Chorando. Capítulo perfeito.
    Xx

    ResponderExcluir
  3. Eu imaginei mesmo que fosse algo relacionado a casamento.
    Capítulo perfeito.
    Amei amei amei
    Posta logo
    Bjos

    ResponderExcluir

Hi girls,deixem aqui suas opiniões!!!kisses