12 de janeiro de 2014

Um - Lembranças,saudades,lágrimas

Três anos se passaram desde que eu terminei com o Zac. E não me perguntem o porquê da 
minha decisão, pois nem eu mesma sei. Sinto falta daquele homem que sempre fazia de tudo para me ver feliz.  Ele foi o meu primeiro namorado. Foi a ele que me entreguei de corpo e alma. Mas... Nada é para sempre.  Nada é um conto de fadas. Ele sempre dava um jeitinho de estarmos juntos, devido ao pouco tempo que tínhamos. Nossas carreiras estavam um sucesso, nossas agendas lotadas, e o nosso namoro estava se desgastando. Passávamos semanas sem nos ver. Mas quando estávamos juntos, tínhamos momentos de puro amor. Mas... Não sei o que aconteceu comigo. Um dia antes do meu aniversário, eu estava fora de mim e acabei terminando tudo e lhe dizendo coisas horríveis. Zac nunca foi um cara de discutir, sempre respeitava minha opinião, e nesse dia não foi diferente. Pude ver a tristeza estampada naqueles lindos olhos azuis, que eu tanto amava olhar, e lágrimas se instalarem neles. Uma pontada de dor atingiu meu coração, mas algo dentro de mim não me deixou amolecer. Zac ouviu tudo o que eu disse calado, chorou em silêncio e antes de eu o expulsar da minha casa, ele simplesmente me puxou para ele e me deu um longo beijo. Não consegui resistir, afinal, eu era completamente viciada naqueles lábios finos e delicados. Ele separou seus lábios dos meus e sorriu. Fiquei hipnotizada olhando pra ele, e só saí do transe quando ouvi sua voz doce e terrivelmente rouca e sedutora dizendo que ele sempre estaria ali pra mim, que nunca deixaria de me amar e que queria que eu fosse feliz. Fiquei chocada com tamanha compreensão da parte dele. Ele me deu um último beijo na testa e foi embora. Depois disso, nunca mais nos falamos.


Austin Butler.  Mais ou menos um ano após o meu término com Zac, comecei a namorar Austin. O conheci através de Ashley.  Ela se martiriza até hoje por ter nos apresentado. Apesar de ser amiga de Austin, Ashley ama Zac como um irmão e segundo ela, ele ainda me ama. Papo furado, eu não acredito nela.  Afinal, se ele me amasse mesmo teria implorado para ficar comigo e não ficaria com aquela estúpida da Lily Collins e com outras mais. Mas voltando ao assunto principal. Austin está sempre ao meu lado. Às vezes até enjoa. Não gosto de uma pessoa na minha cola 24 horas por dia. E ele fez faz exatamente o que eu odeio.  Eu não o amo como gostaria, mas... Ele é legal e gosta de mim, pelo menos é o que ele diz. Minha irmã Stella não gosta dele. Na verdade ela o odeia e faz questão de implicar com ele.  Meus pais também não vão muito com a cara dele. Eles o acham fútil demais e dizem que ele só está comigo por causa da minha fama.  Ou melhor, muita gente me fala isso. Minha mãe disfarça bem. Ela o trata como um membro da família e sempre é gentil, mas meu pai, não faz questão nem de olhar pra ele. O que será que meu namorado tem que todo mundo odeia ele? Cara, ele não tem culpa se nasceu com uma testa enorme e se tem cara de ser meio bocó. O que foi? Apesar de ser meu namorado eu sei reconhecer os defeitos dele. Mas o que importa é que ele faz tudo por mim, parece até um pau mandado.


Depois que eu terminei com o Zac, meus pai e a Stella nunca mais foram os mesmos comigo.  Eles sabem de alguma coisa que eu não sei, mas nunca me contaram. E me sinto mal por isso. Mas isso não importa mais. Sim, me tornei uma pessoa egoísta, mas por dentro acho que continuo sendo aquela Vanessa que todos chamavam de pequena borboleta.  Apesar de tudo, uma coisa que só a Ash sabe é o meu verdadeiro sentimento. Ela me conhece como ninguém e sabe que eu ainda sou perdidamente apaixonada por aquele loirinho de safiras brilhantes que conheci há oito anos no set de High School Musical.  Sim, ainda amo o Zac com todas as minhas forças. Se ele me quisesse de volta, eu iria para os braços dele num piscar de olhos.

-Vanessa, que cara é essa? Hoje é seu aniversário! Sorria!- disse a Ashley chacoalhando meus ombros.
- Sim. Mais um aniversário sem ele. – eu abaixei minha cabeça e deixei cair uma lágrima.
- Amore, eu já disse que ele ama você, mas você é tão cabeça dura que não acredita em mim. Sou a melhor amiga dele, e posso te afirmar que ele ainda é louco por você.

- E eu sou completamente apaixonada por ele.
- Esse alguém sou eu?- perguntou uma voz já bastante conhecida por mim. Quando senti Austin me abraçar por trás tive medo que ele tivesse ouvido toda nossa conversa.
- Sim, meu querido, é você. - eu disse com certo sarcasmo na voz, que passou despercebido por ele, mas não por Ashley que soltou um risinho.
-Bom, amore, eu já vou indo! Mais tarde nos encontramos na sua festa. 

Assim que Ashley foi embora, Austin começou a me beijar, querendo algo que eu sabia, mas não queria dar. Cortei o barato dele dizendo que tinha aula de yoga e que eu precisava relaxar antes de ir para a festa.  Ele resmungou, mas aceitou e eu praticamente o enxotei da minha casa. Tudo o que eu queria era ficar sozinha com meus pensamentos e minhas lembranças.  Subi para meu quarto e entrei no meu closet pegando uma caixa preta de veludo, nomeada Minha preciosidade.  Era uma caixa grande, trancada com um cadeado dourado em forma de coração, e que ficava escondida em um fundo falso. Só Ashley e Stella sabiam dela. Era a caixa onde eu guardava tudo relacionado ao Zac. Nossas fotos, nossas revistas, nossos DVDs de HSM, alguns DVDs com extras especiais de nós dois que o Kenny havia nos dado, com cenas onde nos beijávamos durantes os ensaios, com cenas que nunca vou me esquecer. Na caixa havia também todos os presentes que Zac me deu durante os cinco anos de namoro, o nosso anel, o Kuippo, e um álbum dos nossos melhores momentos juntos. Na caixa tinha também uma camisa de Zac, que por incrível que pareça ainda tinha um pouquinho do perfume que ele usa, ou usava. Tirei tudo de dentro da caixa e joguei em cima da minha cama. As lágrimas que escorriam de meus olhos eram constantes e a saudade aumentava a cada objeito tocado ou foto vista. Uma hora se passou e eu já me encontrava deitada na cama apenas agarrada com a camisa dele, desejando que ele estivesse ali.

13 comentários:

  1. Uau, adorei o primeiro capitulo!!
    Ta muito bom :)
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. que bom que gostou do capítulo flor!!!
      obrigada pelo comentário,kisses

      Excluir
  2. Respostas
    1. rsrs,só você mesmo Julie =D
      obrigada por comentar flor!!!
      kisses

      Excluir
  3. Que perfeito seu cap! Isso mostra que tudo pode acontecer e isso pode estar acontecendo nesse exato momento com ela
    Beijos posta logo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. também penso a mesma coisa,rsrs
      quem sabe a Vanessa não abre os olhos e volta com o Zac?!
      obrigada por comentar,kisses

      Excluir
  4. Respostas
    1. obrigada minha linda,rsrs
      ainda bem que você gostou amiga!!!
      obrigada pelo comentário,kisses

      Excluir
  5. Eu super amei o capítulo.
    E concordo com tudo o que foi dito sobre o Chaustin.
    Haha...nunca fui com a cara dele.
    Essa fic promete.
    Posta logo
    Bjos, flor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. curti o Chaustin flor,kkkk
      também detesto ele =p
      obrigada por comentar,kisses

      Excluir
  6. Amei a ficção Rafa
    Estou ansiosa para saber o que vai acontecer
    Mesmo com todas as coisas que fazem nós não acreditarmos na volta deles, é nas ficção que nos nasce uma ponta de esperança
    A ficção promete

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. que bom que gostou Liri :)
      é por isso que gosto de fics,ao menos nelas nosso casal permanece junto!!!
      obrigada por comentar,kisses

      Excluir
  7. Muito lindo, já amei o primeiro capítulo. Mas, tem uma pergunta que vive martelando minha cabeça. Me responde ela? Na verdade agora são duas aushaush
    1- Foi a V que terminou com o Zac?
    2- Essa história meio que relata o que realmente aconteceu entre eles?

    ResponderExcluir

Hi girls,deixem aqui suas opiniões!!!kisses